Tratamento para indivíduos com abuso ou dependência de cocaína e crack

Versão para impressãoVersão para impressão

 

A dependência de cocaína é um transtorno passível de tratamento, ao contrário do que muitas pessoas pensam. Porém é certo que nenhum modelo de tratamento pode ser considerado eficaz para todos os pacientes. Indivíduos que desenvolvem Dependência de cocaína possuem diferentes características e necessidades. Estudos apontam uma boa relação custo-benefício do tratamento; o resultado mais comum dos diversos tratamentos é a redução do consumo nos anos posteriores, bem como a diminuição das atividades ilegais e do comportamentos criminal do dependente. O tratamento, porém, necessita ser entendido como um processo contínuo, assim como modelos médicos utilizados em doenças crônicas, tal qual Diabetes e hipertensão arterial.

Nem todos os usuários necessitam de tratamento; muitos interrompem definitivamente o consumo após o surgimento dos primeiros prejuízos. Outros, todavia, continuam a usar a cocaína apesar das conseqüências evidentes que passam a apresentar. A necessidade do tratamento é muitas vezes determinada pelo envolvimento obsessivo do sujeito com a droga que passa a prejudicar os demais aspectos de sua vida.

O processo terapêutico inicia com medidas para trazer o paciente para os serviços de assistência. O dependente não procura tratamento por achar que está usando droga demasiadamente, mas sempre frente a "situações de crise", geralmente envolvendo trabalho, família, situação financeira, problemas legais, emergências médicas e rompimento de relacionamento afetivo. Uma forma de promover o acesso do indivíduo a tratamento é interromper a "FACILITAÇÃO" familiar, conforme discutido no capítulo anterior. No momento do ingresso ao tratamento, quase sempre o paciente tem a ilusão de poder retornar ao uso controlado da cocaína ("dar um tempo"). Esta ocorrência é impossível, pois uma vez cruzada a linha invisível da dependência, a capacidade de retorno a consumo ocasional ou controlado é definitivamente perdida (Washton, 1991). Muitas vezes o paciente demora meses ou anos, com inúmeras recaídas e aumento dos prejuízos, até que se conscientize deste fato.

Qualquer modelo de tratamento para a dependência da cocaína deve incluir alguns aspectos básicos, fundamentais para a obtenção de resultados positivos. A abstinência deve ser não somente da cocaína, mas de todas as drogas de abuso, primeiro e principal objetivo do processo terapêutico. Tanto o álcool como outras drogas deflagram "fissuras", mesmo meses (ou anos) após a interrupção da cocaína; como citado acima, o consumo tem um efeito desinibitório sobre o consumo de outras drogas (reduz a capacidade de evitar o consumo), aumentando ainda a impulsividade do paciente.

Aspectos psico-educacionais, tanto sobre a cocaína, álcool e outras drogas, como sobre a própria dependência devem sempre ser incluídos em qualquer modalidade terapêutica empregada. Este componente auxilia o paciente a compreender e aceitar a própria dependência. Deve incluir aspectos farmacológicos, princípios básicos da doença, sinais de recaída e formas de preveni-las, as conseqüências bio-psicossociais da dependência, aspectos familiares, capacitação e co-dependência (p.ex. cônjuge do dependente). O envolvimento familiar é fundamental. Outras medidas que costumam ser incluídas no processo são terapia individual e familiar, participação de grupos de auto-ajuda, busca de atividades alternativas ao consumo de substâncias psicoativas, cuidados médicos, nutricionais e dentários, análises toxicológicas, intervenção farmacológica prescrita por profissional afeito às características da dependência e tratamento em regime de internação (hospitalar e comunidades terapêuticas). Quanto mais abrangente e completo o programa terapêutico, maior a chance de recuperação.

A internação do dependente, ao contrário do que se acreditava antigamente, não é solução para todos os pacientes. Ao contrário, os estudos científicos realizados nas últimas décadas não comprovam nenhuma vantagem de um método hospitalar em relação a ambulatório para toda a população de dependentes que buscam, ou são levados para o tratamento. Pelo contrário, a internação é melhor entendida como um método de promoção de abstinência, apenas uma parte da recuperação do indivíduo, devendo SEMPRE ser associada a seguimento ambulatorial posterior. O tratamento em ambulatório, de fato apresenta algumas vantagens sobre a internação, por ser menos custoso (possibilita ao serviço o tratamento de um maior número de dependentes), causar menor interrupção na vida do indivíduo (muito dependentes que procuram tratamento, por exemplo, continuam a manter atividades sociais e ocupacionais importantes, auxiliando na manutenção de toda sua família). A internação carrega também um estigma social importante, que é delegado ao indivíduo.

O dependente aceita mais fácil o tratamento ambulatorial e este modelo busca que o paciente lide com sua compulsão em seu "mundo real" (ao qual irá retornar muitas vezes despreparado após período de internação). Por outro lado, existem algumas indicações importantes de internação, apresentadas na tabela abaixo:

 

Indicações de internação para dependentes


PRINCIPAIS INDICAÇÕES DE INTERNAÇÃO PARA DEPENDENTES
 

  1. Risco de suicídio, agressividade física importante, quadro psicótico
  2. Doenças médicas ou psiquiátricas associadas que indiquem internação (infarto de miocárdio, convulsões, etc.)
  3. Intensa disfunção de vida do dependente ou incapacidade de lidar com tarefas básicas de sua própria rotina (cuidados pessoais, alimentação, etc.)
  4. Dependência associada de substâncias que requerem tratamento hospitalar (abstinência de álcool ou opióides)
  5. Fracasso das tentativas de abordagem ambulatorial do dependente


 

Comentários

No Avatar
Visitante (não verificado) on sex, 10/30/2009 - 08:02

Eu me encontro em uma situação que está insuportavel, pois usei diversas drogas por 10 anos e estou com problemas respiratórios .........

já fiz alguns exames de coração , porem o medico disse que eu não tenho nada

mas levanto à noite com falta de ar...e  ultimamente estou sentindo muita .....

tenho 29 anos e acho que isso que eu estou sentindo é uma sequela permanente !

Fredy Dorts

No Avatar
Visitante (não verificado) on qui, 03/11/2010 - 20:49

Vc puxa e o ar não vem? Cheirava muita cocaína? O que vc tem se não for nada no pulmão nem coração é sinusite cronica...vai no otorrino...tu tem que fazer tomografia...corticóide faz mal mas se o seu problema for no nariz vc vai sentir melhora aplicando budesonida no nariz...mas vai no médico pra ver qual é antes...não sai usando remédio de bobeira não...eu fiquei muito tempo com uma falta de ar esquisita que ninguem diagnosticava....foi depois de cheirar cocaina e eu resolvi primeiro com corticóide depois com operação de desvio de septo. Logico que teu caso pode não ter absolutamente nada a ver com o meu mas sei la né...derrepente....

No Avatar
Visitante (não verificado) on seg, 03/22/2010 - 20:39

Não mais o que faço estou numa tristeza sem fim , namoro a 3 anos com uma pessoa com dependencia quimica ,crack somos apaixonados um pelo outro nos damos muito bem tento sempre ser a melhor mulher a melhor amiga,mais... e fixura pela droga nõa tem fim para ele todas as vezes e a mesma historia que vai para que me ama hj ele esta doente com diabete tomando insulina todos os dias mais mesmo assim tem recaidadas , estou cansada e triste pois tudo que me diz e mentira sei que  não vai para e que nao quer para~mais não consigo me afasta não me conformo em perder uma pessoa que eu amo boa de coroçao e divertido para essa merda , mais so eu sei o qt eu lutei para dar certo .

No Avatar
Visitante (não verificado) on seg, 03/29/2010 - 19:31

ENTREGA NAS MAOS DO SENHOR E TUDO ELE FARÁ. PROCURA DEUS.

No Avatar
Visitante (não verificado) on seg, 04/12/2010 - 21:53

Nao perca a fê!! Para  Deus nada é inpocivel,nao desista do seu amor ,por que so o amor é capaz de superar as piores coisas.Tenho certeza de muita gente ja te falou pra larga de mão ,por que nao vale apena!!Nao vai atraz dessa gente que nao tem amor no coraçao ,acredita no teu amor e nao sai de perto dele ,eu sei que é dificil a se sei, mais vale apena ,simplismente por um sorriso um olhar cinsero,O Senhor vai estar sempre te guiando pode ter certeza.

No Avatar
sama (não verificado) on qui, 02/28/2013 - 16:13

nao é vc que tem que querer e sim ele, a doençaé dele e nao sua, vc est sofrendo da codependencia. sai fora disso. ele nao te ama ,ele am o crak,um dependente nao ama ninguem, nao se iluda.sai sai fora.

No Avatar
Visitante (não verificado) on qui, 03/25/2010 - 21:48

eu fumava macanho ainda tava bem depois que conheci o crack minha vida se destruiu tava no tratamento indo bem fazia um mês que tava sem usar derrepente não consegui segurar e fumei crack agora faz 4 dias que to sem fumar mais não sei se vou resistir mais espero conseguir não aguento mais fraquejar o que eu faço?

No Avatar
Visitante (não verificado) on seg, 03/29/2010 - 12:31

Meu nome é Fábio Geovane fui usuario de drogas durante 16 anos,hoje tenho 32 e no mes de maio completam 5 anos que estou limpo.Fumei muito pedra emuita cocaina mas hoje trabalho com dependentes atrves de um trabalho chamado cafe convivio que tem ligaçao com o Desafio Jovem de tres coroas,onde dependentes e familiares sao atendidos sem custo algum,nosso enderesso é rua joa estret 165 charlau nosso telefone 99782226

No Avatar
Visitante (não verificado) on seg, 03/29/2010 - 16:43

FABIO GEOVANI, QUERIA MUITO SUA AJUDA PARA LIBERTAR MEU FILHO DESSA VIDA INFELIZ, OLHA ELE É UM GRANDE GAROTO COM 22 ANOS JÁ FOI INTERNO POR 6 MESES E TEVE UMA RECAIDA MEU FILHO É QUERIDO POR TODA FAMILIA PELO SEU JEITO DE SER SEM MALDADES E DE GRANDE CORAÇÃO MAIS INFELIZMENTE A MALDIÇÃO DA DROGA ESTA DOMINANDO MEU FILHO ESPERO UM CONTATO PARA QUE POSSAMOS CONVERSAR OLHA ESSE NUMERO DE TELEFONE QUE VOCE INFORMOU POR FAVOR ME MANDE O PREFIXO DA CIDADE POIS EU SOU DA CIDADE DE VITORIA DE SANTO ANTÃO,PE. FONE 81-8899-3548.

No Avatar
Visitante (não verificado) on qua, 04/14/2010 - 15:53

Ajuda terapeutica é sempre bem vinda! amá-lo é ótimo, desde que ele não se sinta ainda mais culpado, por um amor que para ele é imerecido,e,´por decepcioná-los e use ainda mais. Tem alguém que pode TUDO em TODOS. Deus! Ele pode te ajudar. tenha fé. acredite! Só Deus pode tudo. onde todas as tentativas já fracassaram, È porque Deus ta te falando... " Eu estou aqui" me busque! Me dê sua mão para eu te guiar... Ele quer que vc o procure. Peça a Ele com fé, Ore! não esmoreça! Lute! Só Ele pode te fortalecer e te mostrar o caminho. Procure uma igreja evangélica que vc se sinta bem. Depois me diz. Fica na paz. Deus te abençoe!

        Dilza

e-mail. dilzapd@ig.com.br

No Avatar
Visitante (não verificado) on ter, 04/13/2010 - 15:56

Fabio meu nome e Magda e meu mariso e usuario de cocaina, moramos em caxias do sul e precisaria saber como poderiamos ter um atendimento neste cafe convivio, ele por enquanto não quer se internar mais quer ajuda de qualquer maneira, quer parar mais não esta conseguindo ter forças para isso, por favor caso voce possa nos ajudar ou indicar algum lugar aqui em caxias do sul que pudessemos procurar me envia por e-mail [Editado por: admin. Somente usuários registrados podem postar contatos, endereços de links ou email]

agradeço e te parabenizo pelo trabalho.

Magda

No Avatar
Marcelo (não verificado) on seg, 11/25/2013 - 14:59
tenho o msm problema q seu marido sou dependente e devido a muitos compromissos, familia, filhos, trabalho, fora o q deixo de fazer! nao posso me internar mas tbm nao consigo parar. preciso de ajuda q nao fizesse uma intervençao como a internaçao...

No Avatar
Visitante (não verificado) on qua, 05/05/2010 - 12:55

Fabio Geovane, estou desesperada, meu marido usa crack, saiu de casa, está na rua e não quer parar, está dominado e não sei como ajuda-lo, ele é um homem bom, tenho 2 filhas, ele não quer ser internado, como posso ajuda-lo ?

No Avatar
Luana (não verificado) on ter, 03/05/2013 - 08:58

Ola, não sei seu nome, mas passo pela mesma situação que voce. A tempos que procuro alguem para conversar sobre isso, por que me sinto sozinha nessa luta. Minha familia não sabe do vicio dele e nem vai saber, e a familia dele pouco faz para ajudar, ao inves disso evita o assunto. Gostaria muito de entrar em contato contigo para trocar experiencias, seria muito importante para mim. luana_cambraia@yahoo.com.br

No Avatar
sama (não verificado) on qua, 03/06/2013 - 14:51
Cara Luana.
A familia do dependente químico muitas vezes é pior que o dependente, Pois eles empurram a responsalidade com o DQ para as namoradas e noivas.
O crak é uma droga violenta. Eu tive um relacionamento com um usuario de tudo ou seja cocaina, crak, maconha,bebida, o cara era um X-tudo.Bem tentei ajudá-lo, mas ate a minha bicicleta o cara vendeu. e sem necessidade alguma, mas os usuarios de crak tem essa caracteristica vender as coisas para comprar a droga.Olha luana fiquei com ele 3 anos, nao deixei de ama´-lo, mas cansei, larguei ele, mandei ele pra familia dele, cuja familia nao se informa sobre a doença e nada faz. Penso que vc deverá fazer a mesma coisa, abandoná-lo.Ele jamais vai largar o crak.

No Avatar
fabiane (não verificado) on sab, 06/22/2013 - 09:52
eu nao aguento mais essa vida o meu namorado e vicioado em cocaina me ajuda o q eu faço com ele eu ja lutei muito ao lado dele mais as forças q eu tinha eu ja perdir eu nao aguento mais ter q viver saindo de madrugada atras dele e ele quando me ver se esconde preciso de ajuda confesso q as vezes a minha vontade e de abandonar ele me ajuda por favor

No Avatar
josi (não verificado) on seg, 07/01/2013 - 13:11
Querida, não ande atraz, fique em kasa...abra Biblia Salmo 51,leia em forma de oração como se fosse ele lendo...Se ele for do tipo violento que queira agredi-la, seja autoritaria use a lei da penha, para que ele nao seja grande sobre vc. Para transformaçaõ dele vc precisa convence-lo em se tratar...buscar ajuda de profissionais da saude...eu não concordo com internação...porque ele precisa concientizar que ele tem que deixar porque ele só perde...mostre a ele que ele so perde nas noites de recaidas...não demostre fraqueza...nem depressão por ele.Fique firme...não vai ser de um mês para o outro... mas ele vai passar diminuir as recaidas...porque ele não para de uma vez...Querida convensa ele a buscar ajuda... e não ter vergonha ajudar outros igual a ele vai contribuir...E vc tambem procure ajuda no AA, ou Naranon...vc vai aprender muito como ajuda-lo...ok bjs falo por experiencia propria...5 anos de vivencia...este 5° ano é o melhor que ja vivi. com perdas e ganhos...mas sou feliz...vc tambem consegue.

No Avatar
Bea (não verificado) on qua, 10/09/2013 - 16:47
quro saber se alem de internacoes psiquiatras, ppsicolocos se tem como tratar para nunca mais ter vontade usar drogas eu quero me curar de maneira definitiva por favor me ajude

No Avatar
Visitante (não verificado) on sab, 02/08/2014 - 17:45
como faço para ajudar meu marido?estou com ele a quase um ano amo muito ele a familia dele nao o abandonou e nem eu mas ta dificil pois ele nao adimite que e dependente mas mesmo assim diz que vai parar que nao vai se internar vai sair sozinho dessa e quando fica dois dias sem usar no terceiro dia usar ate dizer chega preciso de ajuda

No Avatar
cristiane (não verificado) on sab, 02/08/2014 - 17:48
como faço para ajudar meu marido?estou com ele a quase um ano amo muito ele a familia dele nao o abandonou e nem eu mas ta dificil pois ele nao adimite que e dependente mas mesmo assim diz que vai parar que nao vai se internar vai sair sozinho dessa e quando fica dois dias sem usar no terceiro dia usar ate dizer chega preciso de ajuda

No Avatar
Visitante (não verificado) on sex, 04/02/2010 - 02:43

Haja oque houver não use!

Procure NA.

SPH

No Avatar
Visitante (não verificado) on qua, 04/14/2010 - 23:00

NA é a solução, no início vc não percebe... mas com o tempo vai perceber q isso irá fze-lo ficar limpo

No Avatar
Visitante (não verificado) on dom, 04/04/2010 - 18:20

Conheçi meu marido através da internet .. enfim ficamos muito apaixonados eu morando em SP e ele no ES, nisso ele me contou que fumaava maconha e q usava (de vez em quando >>mentira ) > frequentemente cocaína.. enfim ele foi me buscar em SP dizendo que queria parar de usar e tals .. eu vim nos casamos aqui no ES, e hoje eu naum consigo ter uma vida feliz com ele , ele sai me deixa em casa com mnha sogra e a filha dele, e só volta no outro dia, e uma vez me agrediu fisicamente onde alguns dias depois eu me senti muito mal e tenho a certeza que sofri um aborto por conta da agressão sofrida.mas quando ele naum usa somos uma familia feliz e unida, naum sei o que faço pra ajudar ele pois não quero perder meu marido para essa merda de cocaína to muito triste e desesperada .se alguem puder me ajudar ficarei grata meu email é [Editado por: admin. Somente usuários registrados podem postar contatos, endereços de links ou email]   mandem por email .. eu naum utilizo o mensenger só o email.. desde ja muito obrigada a todos.

 

DAYANE

No Avatar
Visitante (não verificado) on qua, 05/26/2010 - 23:43

Ola dayane, eu vivo exatamente oque vc esta vivendo a 07 anos, com uma pessoas, eu tb não sei mais oque faço, pelo amor de deus, vamos nos unir e tirar os homens que amamos desta... oque vamos fazer...

No Avatar
Visitante (não verificado) on seg, 04/12/2010 - 21:43

Minha historia nao é diferente das tantas que li aqui.vivo com uma pessoa a oito anos ,ele é usuario de cocaina ,ele trabalha lonje e vem pra casa um fim de semana sim um nao,e tudo que ele ganha la gasta com isso ,temos uma filha linda com cinco anos,que é o meu motivo de estar forte ate hoje,as coisas so piorarao nos ultimos tempossem limiti p nada!!Maisele resolveu pracurar um tratamento,estamos esperansózos ,mais depois de tantos tombos so vendo p crer.Vou fazer a primeiro vizita a ele essa semana estou anciosa.

No Avatar
Visitante (não verificado) on qua, 04/14/2010 - 17:17

a cocaina é uma filha da puta que nao presta pra nada

No Avatar
Visitante (não verificado) on dom, 04/18/2010 - 16:45

gostaria muito de saber por que  eu usei a cocaina e fiquei sobre o efeito dela   naum consego mais fazer nada fico com o efeito o tempo todo que ja tem duração de mais ou menos uns 5 meses parece até ser mentira né ?  mas não!! gostaria de uma resposta com urgencia o que devo fazer

No Avatar
Visitante (não verificado) on qua, 04/21/2010 - 22:15
meu filho usa crak ,me corta o coraçao ele abandonou o serviço saiu de casa e passa noites na rua so volta para tomar banho as vezes e comer ja vendeu tudo os pertence ,so resta algumas roupas ,tenho medo de q ele teja roubando para manter o viçio ,ele é um bom rapaz ,sempre amorozo nao altera nem mesmo sobre efeito do crak , eu converso muito com ele mas ele diz q ainda nao quer se tratar as vezes acho q ele ta fraco da cabeça ,porq chega ao ponto de vir pra casa cheirando mal, tenho mais 2 filhas ,q sao muito ,responsavel nao da para entender porq sempre tiveram o mesmo carinho ,meu pais adora ele porq ele e muito bom ,respeita todos da familia ,onde ele trabalhava era querido por todos ,o que eu faço deixo ele morrer aos pouco ,enterno ele num ospiçio ,meu Deus chego perder o sono contantemente ,tentando uma luz rezo sempre pedindo para Deus cuidar dele por onde ele anda ,sou uma mae em desespero meu filho nao sabe q aos pouco eu morro tambem ,espero um dia ver ele recuperado e ter uma familia este desabafo pode me ajudar obrigado !!!!!!!!!!!

No Avatar
Visitante (não verificado) on qua, 04/28/2010 - 19:55

Imagino o seu desespero!!

Não sou qualquer um que esta escrevendo, passei e ainda passo mal so de lembrar dela, posso tentar te ajudar, falando como é essa merda na cabeça q quem usa, pois sou um depedente de crack, perdi 30kg fiquei magro horroroso, mas penso eu que quando criança gostavamos de brincar, corre e pular ate cansar, era uma maneira de valvula de escape para tanta energia amarzenada no corpo, quando era mais jovem sempre fui muito observador e curioso para saber como as coisas funcionam entende? E fui  experimentando de tudo que se imaginar a respeito de drogas ate chegar ao crack, ela acelera os batimentos cardiacos proporcionando um prazer inexplicavel que dura no maximo 5 minutos, é isso que leva a pessoa querer mais uma dose, e quando acaba a droga é um arrependimento mortal de ter usado, uma depressao profunda, lember de quem gosta da gente e nao ter forças para controlar nossas emoçoes, mas é claro isso acontece por causa do esforço do cerebro em manter uma adrenalina muito alta. Na verdade o crack é um prazer  "otimo", pois a pessoa gosta tanto dela que prefere largar tudo que dava prazer em volta da sua vida para ficar somente com a droga, ate sexo q ate entao seria o orgasmo da vida, fica para tras, posso afirmar que é muito complicado uma pessoa querer sair dessa "onda maravilhosa" que consome aos poucos a pessoa que usa, ela pode ate dar um prazer imenso mas... o preço é muito caro para poucos minutos de loucura. Hoje em dia parece nao ter muitas coisas para se saber ou entender!!! Na verdade tem sim, e tem muitas coisas mas muita mesmo... so basta vc ter um foco em que vc quer entender ou apreender.mas tento me concentrar outras coisas que possam me destrair ou me envolver com coisas que ainda nao conheço que pode ser novidade para a minha cabeça, talvez encontro algo que supli a nessecidade de usar crack. Fazer atividades fisicas ou um esporte ajuda bastante a liberar endorfina um tipo de hormonio do prazer, procurar algo que a pessoa sempre gostou e no entanto deixou de mao, resgate a vontade de viver em outras atividades por que so pela a vontade da pessoa nao vai, nao vai mesmo, pois a vontade dela no momento é o crack somente o crack, vc precisa mostrar para ele que existe algo melhor que o crack, mostre algo diferente que ele nunca viu, ex: pular de para quedas, montanha russa sei lá... procure sentir interessado por algo e faça de tudo para conseguir chegar em seus objetivos.

Ate entao ainda sou um rapaz alto moreno bem visto por todos, ja fui empresario, mas como fui perdendo o controle das responsabilidades, hj trabalho na area da informatica para uma empresa particular, malho na academia e recuperei meu corpo defazado pela droga, ainda luto muito, vc nao tem noçao contra o uso da droga, mas nao entrego a guerra de jeito nenhum, pois sei que se isso acontecer, vai ser como esperar a morte como diziam meus antigos amigos finados.

 

 

No Avatar
Visitante (não verificado) on qua, 04/21/2010 - 22:42

MEU NOME THIAGO USO COCAINA AOS 7 ANOS,DE UNS 3 ANOS

PARA CÁ PERDI O CONTROLE NAO USO TODOS OS DIAS ,FICO 3 MESES 7 ATE 8

MESES SEM USAR, ISSO DEPENTE DA ULTIMA RECAIDA SE FOR MUITO FEIA CHEGO A FICAR 8 MESES SE FOR +- 3 MESES.

MAS O PROBLEMA É QUANDO USO CHEGO A FICAR 5 DIAS USANDO,SEM DORMI SEM COMER, EUME DESTRUO EU  E AS PESSOAS  QUE GOSTAO DE MIM, TENHO UMA DEPRESSAO MUITO GRANDE NAO GUENTO MAS ISSO FICAR  8 MESES E RECAIR!

OQ EU FAÇO??Q TIPO DE TRATAMENTO EU PROCURO??

INTERNAÇAO EU NAO QUERO TENTEI ME INTERNAR UMA FEZ FOI APIOR COISA QUE FIZ!!ME COLOCARAO JUNTO COM UM MONTE DE DEPENTENTES DE CKACK  FIQUEI 15 DIAS ME ROUBARAM UMA BERMUDA MINHA EU SAI NA PORRADA UNS CARAS FOI HORRIVEL!!!

OQ DEVO  FAZER'??????

 

 

No Avatar
Visitante (não verificado) on sab, 05/08/2010 - 20:04

Querido amigo li sua mensagem e gostaria de lhe dizer que tenho essa experiencia na mnha familia, meu marido tbm foi dependente de crack um dia, teve 5 internações, distrui o patrimonio da familia, destrui seu casamento, sua familia, sua vida profissional e ficou como um nada no mundo, porem um dia lhe apresentei um lugar que cura de fato, na Igreja Universal do Reino deDeus, existe uma reunião as sexta feiras, voltada para viciados lá vc pode ter certeza que vc encontraráa cura,atraves de um Deus vivo e Poderoso que ouveeresponde as nossas suplicas,  se vc ja tentou outras portas e nao teve resultado, dê uma chance a Jesus e verá que valeu a pena!!!!!

 

Por favor nao deixe dese dáessa chance.

Forte abraço.

msn: k.kassia@hotmail.com

No Avatar
Visitante (não verificado) on sex, 06/04/2010 - 11:09

amigo, se vc consegue ficar sem usar fora de uma clinica, então faz uma semana de abstinencia e passa a ir ao grupo de apoio perto da sua casa, vc vai ver que maravilha que é... outra coisa é exercitar sua fé, busque algo que te conforte uma relação com nosso criador, tenha dialogos com ele, peça e ore por sua recuperação, quando der vontade de ter recaida, se vc estiver indo ao grupo de apoio, sabera o que fazer, peça ajuda a quem vc puder e seja forte, vale a pena! :)

fica com Deus e nao desista NUNCA!

Roberta

No Avatar
Visitante (não verificado) on seg, 12/27/2010 - 19:29

AMIGO PROCURE UMA IGREJA EVANGÉLICA E ORE MUITO PARA DEUS POSSO AGIR NA SAU VIDA, SÓ ELE VAI LHE TIRAR DESSE ABISMO, JÁ OUVIU FALAR NO PASTOR IZIDORO? ELE TEM UMA FUNDAÇÃO PARA DEPENDENTES QUMICOS, FICA NA BR 324 ANTES DE CANDEIAS, VÁ LÁ FAZER UMA VISITA, O NOME DA INSTITUIÇÃO É FGUNDAÇÃO DR. jESUS, FICA COM DEUS...

No Avatar
diego (não verificado) on qua, 04/03/2013 - 01:11
cara sei q é ruim passava pelo mesmo problema mais hoje vejo q a familia e mais importanti mais ainda mais importantee a nossa saude pensa se fik 5 dias de virada usando pó as sequelas q da mew é muito pirigoso ganha até um derrame, e ja penso fik vegetando numa cama e a tua mae e teu pai eles certo q vaum fik muito tristi entaum quando tu for da o primero teco pensa nisso e se caso tu dé naum vira a noiti vai pra casa dormi q logo se recupera ta bom abraço

No Avatar
Visitante (não verificado) on sex, 04/23/2010 - 10:01

meu cunhado tem 20 anos, des dos 16 anos ele usa o crak, fikou 3 anos em um centreo de rec,passaram-se  2 anos ele voutou a usar essa droga,nos ja  n sabemos o q fazer, ele vai pro sentro e vouta no mesmo dai,e uma tristeza,e o irmao dela q e meu namorado ja n sabe + o q fazer,  GENTE QM SOUBER COMO AJUDA-LO POR FAVOR MANDE A RESPOSTA PRO MEU ORKT [Editado por: admin. Somente usuários registrados podem postar contatos, endereços de links ou email]

MORRO EM VILA DE ABRANTES - CAMAÇARI

TAIS SAOUZA

No Avatar
Visitante (não verificado) on seg, 05/17/2010 - 17:20

Deus é a única alternativa para seu cunhado, nós temos que pedir para Ele a proteção somente Ele pode nos ajudar com essa coisa do diabo......Tenha fé....Jesus morreu por nós na cruz, não foi em vão....

No Avatar
Visitante (não verificado) on ter, 04/27/2010 - 11:14

tenho uma cunhada que mora na italia e faz uso de cocaina ha muito tempo,so que agora ela esta injetando e perdeu totalmente a noçao da realidade,esta acabando com o casamento e com todo o patrimonio do marido que ja nao aguenta mais e pede ajuda,so que ela nao quer ser enternada,nos da familia nao sabemos o que fazer,ja que ela nao mora no brasil e nao sabemos como ajuda-la na italia.peço que por favor tiver alguma ajuda envie-a para o meu hotmail.

Obrigada!

E-mail: [Editado por: admin. Somente usuários registrados podem postar contatos, endereços de links ou email]

No Avatar
Visitante (não verificado) on sab, 05/01/2010 - 00:07

namorei um cara que é usuario de droga, no inicio ele só usava  a mmaconha  quando desqubrir eu terminei o nosso relacionamento foi pior ele comesou usa crak e cocaina . hoje vive na rua estou muito triste com o que aconteceu.

No Avatar
Visitante (não verificado) on sex, 05/14/2010 - 09:42

Eu namoro faz 02 anos com uma rapaz que ele usa crack infelizmente...Tudo que ele tenta fazer se destruir as pessoas ao meu redor me aconselha a abandonalo mais a familia dele me da muita força e admiti que eu faço muito bem a ele.

Ele me diz sempre que não quer isso para ele ,e realmente ele faz muita força a muita boa de vontade mais a recaida vem.

E já terminei com ele por causa da droga ele me proucurou e me disse que iria para com isso depois disso eu vi que ele se esforça muito,as recaida deles acontece toda vez que ele bebe.

Agente iamos nos casar as vezes acho que seria muito bom mais tenho muito medo ,medo de quando eu estiver trabalhando eu vende algo de dentro de casa para o uso,mais algo de dentro de mim diz que seria melhor pois eu estaria com ele todos os dias cuidando dele .

Ele quer volta para academia se agente se casa eu vou com ele ,vamos a igreja juntos COM MUITA FÉ EM DEUS E NOME DE JESUS!!!

Mais o medo não é pequeno,preciso muito conversa com pessoas que passa essa mesma situação que a minha .

visbastos@yahoo.com.br

Agente se ama muito muito mesmo mais.................

No Avatar
Visitante (não verificado) on sab, 05/15/2010 - 21:16

HOJE MEU CASAMENTO ACABO PELO MAUDITO CRACK.MAS ANTIS DE DESISTIR EU LUTEI MUITO  POR ELE .ENFRENTEI CADEIA ENFRENTEI A DESCRIMINACAO ,ENFRENTEI DE TUDO ;MAS SE DES DO INICIO EU SOUBESSE QUE ELE ERA VICIADO N O CRACK;NAO TERIA ENVESTIDO TANTO.TEN HO 2 FILHOS COM ELE .QUE E A ALEGRIA DA MINHA VIDA ,E PESSO A DEUS VER ELE BEM.

No Avatar
Visitante (não verificado) on ter, 05/18/2010 - 12:27

tbm quando namorava era so a maconha depois de um certo tempo tbm foi p o crak lutei por onze anos mas graças a Deus vencemos juntos mas passei por muitas coisas ruim tenho tres filhos e tavez por isso nunca tenha desistido sei q quer ver bem pq e pai dos seus filhos e isso nao vai mudar vai ser sempre o pai mas peça a Deus q td acaba bem eu sei q tem jeito e dificil mas nao e impossivel

 

No Avatar
Visitante (não verificado) on qui, 06/10/2010 - 21:40

vc poderia me ajudar? Como vc conseguiu ajudar seu marido? meu caso é pareciso com o seu, mas nao sei o q fazer para ajudar...

No Avatar
Visitante (não verificado) on seg, 05/17/2010 - 17:30

recuperação própria?

 

oi sou usuário de cocaina faz uns 3 anos..muita coisa aconteçeu durante esse tempo..sou atleta ando de skate a 8 anos praticamente profissional. Minha vida é o skate desde dos 11 anos de idadee , com 16 começei a usar cocaina..minha vida virou de cabeiça pra baixo..n consigo estudar direito..to com problems na garganta..mais tenho medo de ir no médico e descobrir q tenho algo mt grave ..não sei conversar com ninguém..a minha voz alterou muitooo...ninguem entende o que eu digo..eu estou numa depresssão que é até dimais..falta de ar é diaramente..eu preciso de forças..eu sei q tenho que parar..eu quero saber se eu parar pelo menos uns 2 meses...o meu dialogo ..familiaridade...amigos eu conseguiria reconquistar isso de volta?

eu sei que depende só demim mais é mt dificl..eu faço faculdade..e na minha..tipo tudo q eu falo ninguem da morall...é trabalho em grupo eu n consigo raciocinar..pensar direito no que falar e só falo bosta...minha auto estima esta muito baixaaaaa...eu to pegando o foco de volta pq o que me faiz bem e feliz é anda de skate..

anos atras minha auto estima era elevada..eu sai em capa de revista de skate..ganhei mts campeonatos mais fui perdendo o foco com o tempo..mais agora vou me focar de volta..minha mãe nem com ela eu consigo me acertar eu fico mt mal por isso..eu só critico ela..as vezes penso pq eu estou vivo ainda?

acredito em deus e ela me da forças eu sei que eu vou melhorar..eu precisa desabafar..precisava mesmooo..se alguém quiser conversar me adc no msn..

brunoskate_@hotmail.com   obrigadooo

No Avatar
Visitante (não verificado) on sab, 05/29/2010 - 12:57

Oi Bruno! teu comentário me emocionau por dois motivos! Primeiro pela tua maneira sincera de falar e quase menino,como um pedido de socorro e segundo por ter visto nesta atitude um flasch de luz e uma chance de sair desta!

Oh menino! Tenho umfilho dependente químico como tu e agora ele está numa fazenda! Conheço toda a trajetória e todo o sofrimento dos dois lados! De vocês e da família! Preciso te dizer uma coisa, sei pode parecer duro, mais a vida é feita de escolhas e precisas ESCOLHER e tomar atitude de escolha. Neste momento duas únicas palavras devem estar ne tua mente: VIDA ou MORTE. Tudo  o mais é consequencia!

Tens o que é de mais preciosa no mundo que é a vida e a tua saúde(nascestes saudável) não tens o direito de acabar com tudo!

Deus perdoa TODOS os nossos pecados ! Só não perdoa um: o de tirarmos nossas vidas!

Vai garoto! Reconstroi tua vida! Vale a pena! Deixa tudo por esta conquista! Ainda iremos ver tudo isto como passado!

Um beijo grande e Deus te abençõe! Meu email é myriancd@hotmail.com entra em contato!

No Avatar
Visitante (não verificado) on qua, 06/02/2010 - 21:28

Oi Bruno. Não podemos subestimar o poder da "droga". Estamos diante de algo poderoso, com enorme poder de destruição. Portanto não acredite que dará conta sozinho dessa questão. Até porque não depende só de vc como disse. Dependencia química é doença, e como tal precisa de cuidados. Infelizmente ocorre um abandono total pela saúde pública, e até que tenhamos os recursos necessários e por lei adquiridos de forma efetiva, podemos contar com os grupos de auto ajuda como AA ou NA. De qualquer forma, não desista, invista. Por mais terrivel que possa parecer, é possível mudar. Busque ajuda, confie.

que Deus e seu anjo protetor (vc tem um) te ilumine.

Abraços, Cidi

No Avatar
Visitante (não verificado) on sex, 06/11/2010 - 21:51

te add no msn Alysson

No Avatar
Visitante (não verificado) on dom, 06/13/2010 - 14:30

OI BRUNO , Sou Médico , e nunca usei drogas nem bebidas graças a deus , mas vejo os problemas que minha domestica passa com seu filho que além do crack se envolve em assaltos de toda maneira para comprar drogas .

vc reconhece que usa e que ela é forte demais para vence-la sózinho , mas já é um passo reconhecer esta doença , e quem tem doença preceisa se tratar .

procure um médico ontem a respeito de sua garganta e não se intimide , diga que vc é usuario de drogas e que gostaria de ter ajuda , como em tudo na vida temos de ter atitude positiva , fé e sempre buscar a verdade .

boa sore , sei que vc vai conseguir campeão .

abraços

No Avatar
Visitante (não verificado) on qui, 05/27/2010 - 20:19

Meu marido usa drogas desde os 14 anos, comecou com a maconha e hoje aos 32 anos, cheira cocaina e usa crack, normalmente ele so usa se beber bebida alcoolica, temos casa propria, carro, casa na praia, eu trabalho em uma boa empresa e ele tambem, recentemente ele tem um negocio de locacao de festas aos finais de semana, porem continua usando drogas, ele ja parou algumas vezes, chegou a ficar 6 meses sem usar, porem desde Janeiro/2010 ele voltou a usar e cada vez mais continuo, temos dois filhos 5 anos e 16 anos, nunca abandonei ele nestes 17 anos juntos, tambem tenho 32 anos mas nao sei mais o que fazer, nao tenho forcas mais, as vezes fico noites sem dormir, pois quando ele sai para beber normalmente volta bebado e usa as drogas dentro de casa, por causa do meu filho de 16 anos esta cada vez mais complicado, tenho vontade de deixa-lo porem sei que se isso acontecer ele vai se afundar ainda mais, nao sei mais o que fazer, ele ja passou por uma internacao e varios tratamentos, porem nada foi concreto, nas ultimas vezes que ele tem usado caiu em fortes depressoes, as vezes nem consegue ir trabalhar, tenho pena dele, mais isto esta acabando com a minha vida, nao estou aguentando mais, estou procurando alguma ajuda !!!!!

No Avatar
Visitante (não verificado) on sab, 06/05/2010 - 16:11

Parece que você descreveu a minha vida, igualzinho. E acabei por perceber que nos colocamos nesta situação por comodismo puro. É cômodo e infelizmente não podemos ajuda-los somente ele pode se ajudar, ou clinicamente  ou Deus. Mas ele tem que querer.

O meu conselho é nunca copie a sua atitude, viva intensamente para seus filhos e claro para seu marido, mas não se culpe, pois só Deus poderá salvá-los e eles mesmo.

 

Selma Ramos Sãp Paulo

No Avatar
Visitante (não verificado) on qua, 06/02/2010 - 16:03

POR FAVOR EU PRECIOSO DE AJUDA COM MEU FILHO,GOSTARIA DE SABER SE A PESSOA USA O CRAK 30 DIAS ELE JA PODERIA SER UM DEPENDENTE DA DROGA?MEU FILHO FUMOU UM MES E ME CONTOU E ME PEDIU AJUDA,EU FIQUEI DESESPERADA MAS JA ESTOU AJUDANDO ELE.SO QUE ELE LEVA SOMENTE 3 DIAS SEM ESTA MERDA,DE MOMENTO ELE ME DIZ K NAO TEM VONTADE DE USAR GRAÇAS A DEUS.MAS TENHO MEDO QUE ELE QUEIRA FUMAR OUTRA VES,ALGUEM ME PODERIA RESPONDER MINHA PERGUNTAS?OBRIGADA PELA ATENÇAO

Páginas

 

"Uma concepção errada que prevalece tanto na profissão médica como no público leigo é que o tratamento da dependência química invariavelmente fracassa.  ...já é ponto pacífico que o melhor tratamento é uma combinação de terapias medicamentosas e psicossociais, aplicadas as duas em doses otimizadas" Veja + em: Abstinência e dependência quimica....

Interdição Judicial

Interdição Judicial

A interdição (total ou parcial) é um processo judicial onde uma pessoa é declarada incapaz. É nomeado um curador que irá agir em nome do curatelado, o curador também se responsabilizará por TODOS OS ATOS do curatelado.

Para garantir que o curatelado não seja prejudicado um juiz deveria reavaliar, em intervalos de 2 a 4 anos, a permanência das circunstâncias que levaram à interdição. Continuar lendo...

Última enquete:

Quando existe uso abusivo de alcool ou outras drogas, Além do dependente, outros membros da família devem ser tratados?

Alcool & Drogas - Comentarios

Um site CSS: Visite o site CSS do Maujor


eXTReMe Tracker

Araraquara Comercial


Cafeína, distúrbios do sono e o desequilíbrio hormonal.
Cafeina e disturbios do sono

Thomas Edison inventou a lâmpada para que as pessoas pudessem trabalhar à noite, Continue lendo.




Nossa vida é como um quebra-cabeça enorme
Erros e acertos na vida

Não há erros.

Cada experiência que vivenciamos, quer você interprete como boa ou ruim, é parte desse quebra-cabeça e, Continue lendo.

tratamento-internacao-dependencia